Carta da ABA de apoio ao MST

05_aba_logo_horz_corA ABA-Associação Brasileira de Agroecologia, entidade técnico-científica que atua em defesa da Agroecologia vem de público declarar seu mais veemente repúdio às recentes ações de agressão que sofreram diversos movimentos sociais, organizativos e estudantis.

A privação do direito de organização e manifestação por parte da polícia e órgãos do judiciário contra movimentos e organizações de nossa Sociedade, denotam uma clara, manifesta e arbitrária demonstração de agressão a direitos duramente conquistados no longo processo de luta pela democratização do Estado brasileiro.

A invasão de assentamentos de reforma agrária e seus espaços de ensino sem mandato judicial e sem a mínima justificativa plausível expressa o retrocesso institucional que nos encaminha para a vigência de um Estado de exceção. Além da agressão oficial específica a movimentos como o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e movimentos estudantis, esses fatos deploráveis constituem uma agressão à educação brasileira.

A ABA se soma a todas manifestações já realizadas em defesa da democracia e do direito à manifestação e CONTRA a repressão policial e jurídica, contra a criminalização dos movimentos sociais, estudantis e organizativos.

NENHUM DIREITO À MENOS!!! UM(A) AGREDIDO(A) SOMOS TODOS(AS) AGREDIDOS(AS)!!!

Novembro, 2016. Associação Brasileira de Agroecologia

  0 COMENTÁRIOS
Página Inicial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre a ABA-Agroecologia
Parceiros