Programação do Congresso de Agroecologia montada em trilhas agroecológicas

Share

Usando como base o tema central do Congresso – “Agroecologia na transformação dos sistemas agroalimentares da América Latina: memórias, saberes e caminhos para o Bem Viver”, o Núcleo Executivo do Congresso Latino-Americano e Brasileiro de Agroecologia 2017 e as diretorias da ABA e da SOCLA estiveram reunidas em Brasília, no inicio de abril, para definir a programação do VI Congresso Latino-Americano de Agroecologia, o X Congresso Brasileiro de Agroecologia e o V Seminário de Agroecologia do Distrito Federal e Entorno.

Da temática surgiu a proposta de pensar a estrutura programática do evento a partir de uma metodologia guiada por caminhos ou trilhas agroecológicas, que conduzirão as/os participantes por um fluxo de debates, informações e atividades planejadas dentro de um conjunto de temas, de modo a reduzir a ansiedade comum em grandes eventos, durante os quais há muita coisa acontecendo ao mesmo tempo. “Honrar o lema e os princípios da participação e do diálogo de saberes é um desafio bom, perseguido pelo time de programação e metodologia”, destaca Silvana Bastos do Instituto Sociedade, População e Natureza.

“Com um tema central tão bonito como esse, a pegada do Congresso vai trabalhar a questão da memória. Queremos resgatar nesse Congresso a base e a história da Agroecologia”, destaca Mariane Vidal, presidente dos eventos e pesquisadora da Embrapa Hortaliças. Nessa lógica a proposta é a partir do reconhecimento dessa base, compartilhar e refletir os saberes. As ideias foram construídas de forma coletiva por pessoas de universidades, centros de pesquisas, representantes de movimentos sociais e organizações da sociedade civil, representantes do governo do GDF que participaram da oficina em Brasília no inicio de abril que teve como objetivo montar a programação dos eventos.

Mariane explica que serão quatro trilhas agroecológicas que irão abarcar os 12 temas geradores do Congresso, sendo que o 13º tema “Memórias e História da Agroecologia” será tratado de forma transversal. A proposta é que cada pessoa que venha ao Congresso monte seu próprio caminho do conhecimento. A Comissão Organizadora do Congresso irá oferecer os pontos dessas trilhas e as/os participantes vão escolher qual caminho do saber irão percorrer para construir seu conhecimento. Essa é a estratégia metodológica que estamos pensando em construir nesses 4 dias de eventos”.

Venha fazer sua trilha agroecológica em Brasília entre os dias 12 a 15 de setembro durante os eventos. As/os inscritas/os terão a oportunidade de participarem também de palestras, das feiras, rodas de conversa, estandes e apresentação de trabalhos.

As inscrições podem ser realizadas no site www.agroecologia2017.com, sendo que possui desconto até o dia 30 de abril. Essa também é a data limite para submissão de trabalhos nas três modalidades oferecidas: trabalho científico, relato de experiência técnica e relato de experiência popular.

Os eventos são promovidos pela Sociedade Científica Latino-Americana de Agroecologia (SOCLA) e Associação Brasileira de Agroecologia (ABA-Agroecologia) e organizados em Brasília por uma comissão formada por instituições públicas como Embrapa, UnB, Seagri e Emater-DF, além de outras instituições, organizações e movimentos sociais. Acompanhe as novidades pelo site e no perfil facebook (Agroecologia 2017).

Essa matéria é fruto do trabalho conjunto, articulado em rede.

Rede de Comunicadoras/es Agroecológicas/os.

Jornalista Responsável

Daniela Collares (MTb/114/01 RR)/ Embrapa Agroenergia

agroenergia.imprensa@embrapa.br/ Telefone: (61)3448-1581

Revisão: Tatiana Weckeverth/ Comunicadora ABA

Blog Página Inicial
Parceiros